As mensagens subliminares no clipe de Taylor Swift, "Look What You Made Me Do"



Taylor Swift quebrou a internet ontem com o lançamento do clipe de "Look What You Made Me Do", que foi exibido durante o VMA e logo depois já estava nas plataformas digitais. O clipe que está prestes a bater o recorde de mais visto na história do Youtube e que está sendo aclamado pelo público e crítica tem inumes referências da carreira e polêmicas que Taylor esteve envolvida durante os últimos anos. Por esse motivo reunimos todas elas pra você que ainda não pegou todas elas.


Logo de cara, temos Taylor em forma de zumbi saindo de sua tumba, com o vestido que a mesma utilizou no último vídeo clipe da era 1989, "Out Of The Woods". 


Percebe-se que ao lado da sua lápide, temos uma outra lápide com o nome Nils Sjöberg escrito nela. Mas quem diabos é Nils Sjöberg? Simples! Lembram da música "This Is What You Came For", hit do DJ e ex-namorado de Taylor, Calvin Harris com participação da Rihanna? A música foi escrita por Taylor, que na época utilizou um pseudônimo (nome adotado por autor ou responsável por uma obra (literária ou de qualquer outra natureza), que não usa o seu nome civil verdadeiro) chamado Nils Sjöberg, porém a informação acabou vazando e possivelmente a música foi o motivo pelo desentendimento e termino dos dois, já que em diversas entrevistas, Calvin era perguntado se faria uma parceria com Taylor e o DJ dizia que não veria essa parceria acontecendo.

A zumbi Taylor agora está enterrando uma outra Taylor do passado, que nada mais é que a Taylor do início da era 1989, com o vestido utilizado no evento beneficente "Met Gala Ball" de 2014. 


Na cena seguinte do clipe, temos Taylor dentro de uma banheira coberta com diamantes e ao lado dela, há uma nota de 1 dólar. O valor de 1 dólar foi estipulado por Taylor caso vencesse o processo contra o radialista que assediou Taylor durante um Meet and Greet da turnê Red. Taylor venceu o processo e recebeu o seu 1 dólar e o colocou no clipe.



Fonte: Revista Veja Online

Na próxima cena, temos Taylor poderosíssima sentada em um trono rodeada por cobras, que anteriormente foi o animal utilizado dos teasers misteriosos. E porque a simbologia da cobra? Taylor, após a polêmica da música "Famous", onde a mesma foi "exposta" por Kanye West e Kim Kardashian, foi bombardeada em suas redes sociais sendo chamada de cobra e recebendo emojis de cobras. Parece que o feitiço foi usado contra o feiticeiro não é mesmo? 



Em outo cenário, agora temos Taylor envolvida num acidente de carro, onde a mesma bate um carrão em um poste. Mas o que tem de referência nisso? O carro em questão é um Masserati amarelo, e na música Red, presente no álbum Red, Taylor cita o mesmo carro. "Loving him is like driving a new Maserati down a dead end street" (Amá-lo é como dirigir um Maserati novo numa rua sem saída). E o choque do carro com o poste, é provavelmente uma alusão ao choque que Taylor recebeu quando o álbum Red perdeu a categoria de Álbum do Ano, no Grammy de 2014, pois ao sair do carro destruido, Taylor aparece com um Grammy na mão.



Em outra cena agora temos uma Taylor bad ass saqueando o cofre de uma empresa fictícia chamada "Stream CO", com suas capangas vestidas com máscaras de gatinhos. Mas que empresa seria essa? Lembram quando Taylor retirou toda a sua discografia das plataformas de streams, alegando que as mesmas não estavam pagando o valor que deveriam pelo trabalho dos artistas? A mesma até enviou cartas abertas para as grandes empresas criticando o pagamento injusto. Agora ela está "pegando" o dinheiro que lhe é por direito, pois Taylor iniciou uma mudança nas empresas e possivelmente o valor tenha sido reajustado.


Em mais um cenário do clipe, agora temos uma Taylor dominatrix comandando uma espécie de exército de bonecas. A referência presente nessa cena é uma crítica ao famoso Squad de Taylor Swift, que nasceu no clipe de Bad Blood. Taylor foi acusada pela mídia de fermentar um padrão para fazer parte do seu Squad, pois a maioria são modelos, loiras, altas, ricas. 



Taylor resolveu abraçar a ideia criada pela mídia de que ela está formando um exército padrão de mulheres. Ah, e look dominatrix da cantora, é uma referência aos looks utilizados no clipe de "Bad Blood", pois foram gastos 13 mil dólares em um Sex Shop para vestir Taylor e seu squad. 



Fonte: O Globo Online

Em mais um cenário, Taylor aparece bem fierce e uma especie de grupo de dançarinos/seguranças correm atrás dela para entrar em formação (o que diziam ser um plágio do clipe de "Formation") Contamos no total 8 dançarinos, número de todos os ex namorados de Taylor, coincidência? HAHA


E a surpresa vem na cena a seguir, onde todos os 8 dançarinos estão vestindo camisas escritas I 💓 TS (Taylor Swift).



Vocês lembram do namoro de Taylor com o ator Tom Hiddleston, que disseram que não passava de um namoro de fachada? Na época, os dois foram flagrados em uma praia de Rhode Island comemorando o feriado de 04 de Julho e Tom estava vestindo uma camisa que também estava escrita I 💓 TS.  AAAA, NÓS AMAMOS ISSO!!!


Agora chegamos na melhor parte do clipe. Taylor em cima de uma torre de Taylor das eras passadas e e elas estão se digladiando para alcançar o topo. Nós vamos mostrar (ou tentar) mostrar todas as eras presentes. Começando com as que estão em maior evidência.



Eras: Fearless (2008), Red (2012), 1989 (2014)




Eras: Red (2012), Red (2012), VMA (2014), BMA (2015)


Eras: 1989 Tour (2015), Red (2012), VMA (2015), 1989 (2014)

JÁ ESTAMOS MORTAS DE TANTO PROCURAR ERA!!!

E pra quem não entendeu nada dessa cena da Taylor levantando duas motos e derrubando vários dólares vestida de motoqueira a gente explica. Taylor foi processada por uma empresa de roupas para motoqueiros chamada "Lucky 13", que acusou Taylor de roubar o nome da marca e utilizar em roupas para sua loja virtual. Pra quem não lembra, em suas primeiras turnês, Taylor escrevia na sua mão o número 13, por gostar desse número e acabou sendo uma marca registrada da cantora. Depois de 18 meses de processo, foi provado que Taylor nem sabia da existência da empresa e ganhou a causa.



E o final ÉPICO das antigas eras com a nova que rendeu essa cena hilária não poderia ficar de fora.


Aqui a gente deixa os gifs das melhores partes, mas a cena completa você pode conferir no clipe!





A gente com certeza AMOU esse clipe!!! Achou mais alguma referência oculta? Conta pra gente! 💕
As mensagens subliminares no clipe de Taylor Swift, "Look What You Made Me Do" As mensagens subliminares no clipe de Taylor Swift, "Look What You Made Me Do" Reviewed by Bernardo Torres on segunda-feira, agosto 28, 2017 Rating: 5